Felipe França promete quebrar recorde mundial no Troféu Maria Lenk





Felipe França acredita que está em sua melhor forma física. Foto: Ricardo Matsukawa/Terra

Felipe França acredita que está em sua melhor forma física

Campeão e recordista sul-americano nos 100 m estilo peito, o brasileiro Felipe França promete surpreender o público no Troféu Maria Lenk e quebrar o recorde mundial da modalidade. Após focar nos treinamentos da prova o atleta já se vê na melhor forma física possível e esnoba os favoritos dos Jogos Olímpicos de Londres.

Felipe França já foi o detentor do recorde mundial dos 50 m peito, distância que não faz parte do quadro olímpico, e agora afirma que está pronto para recuperar a melhor marca nesta prova e nos 100 m.

"Vou usar essa grande oportunidade que é o Maria Lenk, pois vou estar descansado, na melhor forma física e mental até agora, para que eu possa bater esse recorde mundial tanto nos 50 m, quanto nos 100 m", prometeu o nadador, em evento publicitário de um de seus patrocinadores, na última sexta-feira. "Graças a Deus, estou com uma performance nos 100 m que posso dizer que vou bater o recorde mundial. E pode ser no Maria Lenk."

Fazendo um trabalho especifico para perder gordura, o atleta explicou que está pronto para competir com os melhores do mundo, pois não se sente tão bem desde a disputa do Mundial de Roma 2009, quando conquistou a prata nos 50 m. Na edição seguinte, em Xangai 2011, França ficou com o ouro na mesma prova.

"Estou bem fisicamente. Nunca estive tão forte e mago como agora. A única vez que estive assim foi em Roma, e eu acho que estou melhor que antes", comentou.

Aproveitando-se da boa forma, o brasileiro disse que é o favorito para a medalha de ouro nos Jogos de Londres. França ainda não assegurou a vaga, mas não deve ter dificuldades para isso, pois só não vai à Olimpíada se algum brasileiro superar seu melhor tempo.

"Meu maior adversário é minha mente. Eu já vi, já participei com esses caras que foram campeões olímpicos, mundiais, e eu já ganhei deles não tendo forma física nenhuma de atleta, principalmente de nadador. Eu pesava 25 kg a mais do que eles e vi que eu posso chegar até onde eles chegaram. Posso ir muito além daquilo que eles fizeram ou daquilo que eu já fiz", finalizou.



Comente:

Nenhum comentário