A única pessoa que você controla é você’, diz Phelps sobre caso Cielo





A decisão do TAS (Tribunal Arbitral do Esporte) de somente manter a advertência aos brasileiros Cesar Cielo, Henrique Barbosa e Nicholas Santos (reincidente, Vinícius Waked pegou um ano de suspensão), flagrados no exame antidoping, não foi muito bem recebida por Michael Phelps, também em Xangai para a disputa do Mundial de Esportes Aquáticos. Neste sábado, o bicampeão olímpico nos 200m e 400m medley deixou claro que, em sua visão, cada atleta deve se responsabilizar pelo que usa ou ingere.

-  Acho que em tudo que você faz na vida haverá horas em que não ficará contente, mas, no fim do dia, a única pessoa que você controla é você mesmo. É com isso que estou preocupado agora. Tenho um trabalho aqui do qual eu tenho de cuidar. Eu tenho que me preparar para o ano que vem e é com isso que estou precupado agora – disse Phelps às agências internacionais, já referindo-se aos Jogos de Londres, em 2012.

Tricampeão olímpico no revezamento 4x100m medley, Jason Lezak reforçou a opinião do compatriota, salientando que aguarda por novas informações.

- Estávamos esperando por isso. Não tenho todos os fatos e evidências. O que sei é que sempre me disseram que você assume seus riscos, que qualquer coisa que coloque no seu corpo é sua responsabilidade. E, obviamente, há novas leis agora que não havia nos últimos 15 anos que eu nadei. Espero que todos aprendam com isso e sigam em frente. Mas agora não acho que haja muita gente feliz aqui – disse Lezak que, assim como Cielo e Phelps, brigará pelo ouro em Xangai.

Comente:

Nenhum comentário