Michael Phelps faz contagem regressiva para o Mundial





Contando os dias para o Mundial de Xangai. É o que faz o americano Michael Phelps para aliviar a ansiedade de voltar a ser protagonista em um torneio do primeiro escalão da natação.

Em entrevista nesta sexta-feira, o americano, dono de 14 ouros olímpicos, assinalou que o torneio em território chinês representa um recomeço há pouco mais de um ano para os Jogos de Londres 2012. "É como a velha sensação que se tem antes de ir às competições, nervoso para entrar na água e nadar".

Phelps vem de uma temporada irregular. O mais duro golpe para ele foi a derrota para o conterrâneo Ryan Lochte no circuito americano.

"Este ano não está sendo como eu planejei. Sabia que (a derrota) ia chegar em um momento. Foi muito difícil e não me senti bem", confessou Phelps, que competirá em sete provas na China. O Mundial de Xangai acontecerá entre os dias 24 e 31 de julho.

Phelps acredita em provas de altíssimo nível em Xangai, mesmo com os supermaiôs estando proibidos nas provas de natação. "Nós vamos ver mais velocidade do que nunca. As provas serão mais rápidas do que na Olimpíada e no Mundial de 2009, mesmo com os trajes mais simples que temos agora", acredita o multicampeão olímpico.

"Você vê os atletas se esforçando dentro e fora das piscinas e se preparando melhor para trabalhar as pequenas coisas. Hoje os nadadores estão nadando melhor do que na época dos trajes especiais. Há muitos nomes novos nadando muito rápido", analisou Phelps.


Palavras chaves: Michael Phelps, Mundial de Xangai, Natação, Swimming, Natacao, Piscina


Comente:

Nenhum comentário